Confira os resultados da Edição 2018

INICIATIVA E REALIZAÇÃO

APOIO À 8ª EDIÇÃO

Tripé da Sustentabilidade

Atualmente, muito se tem falado sobre “Sustentabilidade”, palavra derivativa da expressão Desenvolvimento Sustentável cuja definição – surgida na Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, das Nações Unidas para discutir e propor meios de harmonizar dois objetivos: desenvolvimento econômico e a conservação ambiental - mais aceita é: “o desenvolvimento capaz de suprir as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das futuras gerações”. Isto significa dizer: ter desenvolvimento sem esgotar os recursos para o futuro.

A expressão está tão em voga que até se convencionou um “Tripé para a Sustentabilidade”. Este termo tem como origem as dimensões econômica, social e ambiental levadas em conta no “Triple Bottom Line”. De fato, as empresas têm responsabilidades, entretanto, a econômica, não pode ser levada em consideração, pois já está implícita e intrínseca aos negócios, ou seja, se a empresa não tiver desenvolvimento econômico-financeiro, não der lucro, ela fecha as suas portas! Portanto, as empresas têm uma responsabilidade prioritária e esta responsabilidade é a de conduzir os seus negócios de maneira honesta, transparente, íntegra, ou seja, com Ética. Se isto for exercido plenamente, elas se tornarão socialmente responsáveis e ecologicamente corretas naturalmente e, assim, estarão trilhando o caminho do tão falado, discutido e necessário Desenvolvimento Sustentável”. Então, o verdadeiro Tripé da Sustentabilidade deve ser aquele que considera as dimensões ética, social e ambiental... E ponto final!